Existem diversos cuidados que devemos ter com a nossa saúde e que implicam diretamente no nosso estilo de vida.

Isso acontece porque muitas pessoas não se preocupam com a origem do que ingerem — e que isso pode trazer riscos de doenças sérias. Nesse sentido, a purificação da água é essencial para evitar a contaminação com um líquido poluído ou cheio de aditivos químicos.

Esse processo se mostra necessário no dia a dia para a população, mas muitas pessoas acabam ignorando, botando a saúde em risco, muitas vezes, sem conhecer os perigos que estão correndo.

Continue lendo este texto para entender como é feita a purificação da água e a sua importância. Boa leitura!

Qual a importância da qualidade na purificação da água?

O fornecimento de água pelas companhias de tratamento é considerado potável, ou seja, próprias para o consumo. O grande problema é que mesmo com os avanços de tratamento pelas redes de abastecimento, que possibilitam que o líquido chegue com qualidade até as residências, existem fatores externos que podem contaminar a água.

O processo de purificação se mostra necessário para providenciar um líquido hidratante que traga benefícios ao organismo de quem ingeri-lo. Nos últimos anos, surgiu uma grande decadência na qualidade dá água por causa da poluição, o que resultou em um grande problema para as pessoas.

Muitos produtos químicos poluem a água, como o Nitrato, que é encontrado nas águas minerais e só pode ser consumido até 50 mg/l — acima disso, as suas propriedades podem desenvolver problemas de câncer no estômago.

Como é feita a purificação e os processos envolvidos?

água que passa pelas estações de tratamento das cidades chega cheia de impurezas e micróbios. Para que ela seja consumida pela população, ela precisa passar pelo processo de purificação, que é dividido em várias etapas.

Começando pela floculação, onde a água que chega dos rios nas estações de tratamento é armazenada para receber uma solução de cal e de sulfato de alumínio. O uso dessas substâncias serve para absorver as impurezas que estão na superfície do líquido.

Após essa etapa, a água é direcionada para um tanque de decantação, recebendo substâncias que vão deixá-la mais clara e, após esse procedimento, é direcionada para o filtro de areia. Aqui, ela passa pelo tanque de cima para baixo, passando por diversas camadas de cascalho e areia, com a finalidade de eliminar ainda mais impurezas.

Por fim a água vai para o processo de cloração, que a prepara e purifica para o consumo. Nessa etapa, os micróbios que são prejudiciais à saúde são eliminados em um depósito com cloro, um gás de cor verde, e, depois, o líquido é direcionado para a população.

Como saber se a água está purificada?

Para assegurar a pureza do líquido, é essencial certificar que a água se encontra incolor, insípida e inodora. Também, ela deve ser livre de materiais tóxicos e micro-organismos, como protozoários e micróbios. Isso porque esses componentes são muito prejudiciais à saúde e devem ser eliminados — ao contrário dos sais minerais, que devem estar presentes na quantidade necessária para o organismo.

Por isso, sempre cheque se a água está com alguma colocação fora do habitual, observe se há algum cheiro estranho vindo do líquido e se existe algum sabor diferente do normal. Essas medidas servem para garantir que o que está sendo ingerido é algo benéfico, sem riscos à saúde.

Para providenciar uma purificação da água eficiente, é necessário contar com um filtro ou purificador de qualidade, que seja capaz de tornar o líquido mais puro e deixá-lo pronto para o consumo. Assim, é possível assegurar que a água está livre de micro-organismos e impurezas, sem colocar em risco a saúde de quem a ingere.

Gostou deste assunto? Então, não perca tempo e entre em nossa loja virtual para conhecer os nossos produtos!

 

Powered by Rock Convert